<




Terapia de Casal

Nem sempre namorar, noivar e casar é uma tarefa simples. Quem nunca brigou ou ficou chateado com seu parceiro??

Muitas vezes, não entendemos a nos mesmos, quem diria entender o outro?? Isso pode ser uma tarefa complicada, mas não é impossível.

Na terapia de casais trabalha-se para descobrir onde as coisas estão indo mal e procurar modos de melhorar. Não existe uma fórmula mágica que irá "melhorar" as coisas, mas um canal para o casal entender melhor suas dificuldades e trabalhar em cima delas.

A psicóloga ajuda o casal a identificarem os pontos de conflito dentro da relação e a determinar quais as mudanças desejáveis, sejam no modo de se relacionar, sejam mudanças individuais. O casal torna-se ciente de pontos de vista e modos de interagir e de se comunicar destrutivos para tentar modificá-los.

Muitas pessoas procuram a ajuda de um profissional quando percebe que a comunicação travou, quando um quer conversar o outro revira os olhos , quando um está tão na defensiva que nega que haja qualquer problema, etc.

Motivos mais frequentes para procurar terapia de casal são: Traição sexual ou emocional; Brigas ou silencio com frequência, agressões (físicas, verbais ou ate ironias para com o outro), sexualidade, desconfiança de traição, falta de comprometimento de uma das partes, machismo e outros.

A ideia da terapia de casal é compreender qual o melhor caminho para a saúde de ambas as partes e principalmente do relacionamento. As vezes pode haver possibilidade de reconciliação saudável, com novos comprometimentos de cada um, e um renovado estado de animo para manter o relacionamento.

Em outros, um relacionamento que resiste apenas baseado numa crença de que os casamentos são indissolúveis, que cada uma das partes deve suportar qualquer comportamento inadequado do outro sem questionar pelo bem da manutenção da relação, mesmo que isso aniquile todo o equilíbrio interno de uma ou mesmo das duas partes. Outras vezes uma das partes simplesmente não aceita o termino de algo, que já acabou há muito tempo, não simplesmente por sua característica dependente não permitir algo diferente.

“Ter alguém é uma escolha, permanecer junto é uma decisão que exige compromisso, entrega, honestidade e dedicação. Amor é não enjoar de amar! Rostinho bonito, envelhece; Maquiagem, sai com agua; Pele bonita, enruga; Cabelo lindo, fica branco; Corpo definido, cai; Mas caráter fica”

Voltar